Tag Archives: Bíblia

#197 Não tenhas medo

5 Fev

Está passando por um momento difícil? Eis o que o Senhor diz a você:

“Não temas; crê somente.”
(Marcos 5, 36)

E que neste momento a sua resposta seja: “Meu Deus eu creio, mas aumentai a minha fé!”

Responda com devoção. E, dessa forma, perceba que a sua fé vai sendo renovada, que a tempestade começa a se acalmar, e que o medo vai aos poucos dando lugar para a confiança, para a fé em Deus.

Por fim, respire fundo e SIGA EM FRENTE.

creia-nas-respostas-da-sua-oracao-292917-1

“Deus conta com você, por isso te escolheu.
E te deu uma missão é preciso prosseguir proclamando sempre
O seu nome, seu nome, seu nome.
Levanta-te, levanta-te, é preciso caminhar sem medo.
Levanta-te, levanta-te, confia no senhor e segue!”

(Trecho de: Levanta-te – Pedro Afonso)

#195 Nasceu o Menino Deus

25 Dez

É Natal!!!!

menino-jesus-na-mangedoura

“Um menino nos nasceu,

Um filho nos foi dado;

A soberania repousa sobre seus ombros,

E ele se chama: Conselheiro admirável, Deus forte, Pai eterno, Príncipe da paz.”

(Isaías 9, 5)

Ficam aqui os meus votos de um Natal feliz na presença do Menino Jesus, Maria e José. 

Que a graça e as bençãos de Deus se estendam durante todo o ano de 2015 sobre você e sua família.

ABRAÇOS

da Blogueira Peregrina!

emoticon-BP

#194 À espera do Menino Deus

21 Dez

Advento-Maria-Gravida

“Naquele dia, nascerá uma haste do tronco de Jessé.

E, a partir da raiz, surgirá o rebento de uma flor.

Sobre Ele repousará o Espírito do Senhor.

Espírito de sabedoria e discernimento.

Espírito de conselho e fortaleza; de ciência e temor de Deus.

No temor do Senhor encontrará seu prazer.

Ele não julgará pelas aparências, nem decidirá somente por ouvir dizer.

Mas trará justiça para os humildes.”

(Isaías 11, 1-3)

 

Peçamos ao Pai que envie o Teu Santo Espírito para repousar sobre nós e preparar os nosso ser para o nascimento do Deus Menino!

emoticon-BP

#179 As pedras em nosso caminho

15 Jun

Quando uma pedra (uma dificuldade ou problema) surge na sua vida, de que forma você reage?

a-pedra-reflexao

Não desanime! Deus está contigo! Não diga: O Senhor me abandonou, o Senhor esqueceu de mim…

Ouça o que Ele te diz:

Pode uma mulher esquecer-se daquele que amamenta? Não ter ternura pelo fruto de suas entranhas? E mesmo que ela o esquecesse, EU NÃO TE ESQUECERIA NUNCA.

(Isaías 49, 15)

“Sou Deus contigo. Eu te escolhi.

Sou Deus contigo. Nunca te deixei, nem te deixarei.

Confia em mim.”

(Música: Sou Deus contigo – Diego Fernandes)

emoticon-BP

 

#160 Excelência da caridade

9 Abr

Acredite na bondade. Acredite em Deus.

“Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, se não tiver caridade, sou como o bronze que soa, ou como o címbalo que retine.
Mesmo que eu tivesse o dom da profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência; mesmo que tivesse toda a fé, a ponto de transportar montanhas, se não tiver caridade, não sou nada.
Ainda que distribuísse todos os meus bens em sustento dos pobres, e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, se não tiver caridade, de nada valeria!
A caridade é paciente, a caridade é bondosa. Não tem inveja. A caridade não é orgulhosa. Não é arrogante.
Nem escandalosa. Não busca os seus próprios interesses, não se irrita, não guarda rancor.
Não se alegra com a injustiça, mas se rejubila com a verdade.
Tudo desculpa, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.
A caridade jamais acabará.[…]
Por ora subsistem a fé, a esperança e a caridade – as três. Porém, a maior delas é a caridade.”
(I Coríntios 13, 1-8.13)

#157 Lançai Palavra: Ousadia

2 Abr

Ei, pessoal, esse é o meu primeiro vídeo postado no blog!!!

Êêêêêêêêêêêêê… \o/ / \o/

Semana passada fui desafiada pelo meu amigo João Paulo Monteiro a lançar a palavra.

A ideia do desafio #LançaiPalavra (eu falei errado no vídeo rsrsrsrsrs) é escolher uma passagem bíblica, gravar um vídeo em que você comenta brevemente sobre ela, e desafiar outros 3 amigos. Esses outros 3 amigos tem 24 horas para fazer o mesmo. Caso não façam, eles tem que te dar um presente (costuma ser um artigo religioso, como a imagem de um santo de devoção seu, por exemplo). Mas meu amigo não disse nada, então… E ainda bem pois seria uma pena.

Eu amei!!! Confesso que fiquei com um pouco de medinho. Por isso demorei para gravar o vídeo. Mas… Tá valendo, né?

Desafio aceito, aí está o resultado:

 

“Foi-me dirigida nestes termos a palavra do Senhor:

Antes que no seio fosses formado, eu já te conhecia; antes de teu nascimento, eu já te havia consagrado, e te havia designado profeta das nações.

E eu respondi: Ah! Senhor JAVÉ, eu nem sei falar, pois que sou apenas uma criança.

Replicou porém o Senhor: Não digas: Sou apenas uma criança: porquanto irás procurar todos aqueles aos quais te enviar, e a eles dirás o que eu te ordenar.

Não deverás temê-los porque estarei contigo para livrar-te – oráculo do Senhor.

E o Senhor, estendendo em seguida a sua mão, tocou-me na boca. E assim me falou: Eis que coloco minhas palavras nos teus lábios.”

Jeremias 1, 4-9

Os meus amigos desafiados foram: Taísa, Klaus e Nayana. Se eles permitirem, irei postar o vídeo deles aqui no blog.

Abração, gente. Até a próxima!

;D

#156 Verdadeiros Adoradores

24 Mar

Aproveitemos essa Quaresma para contemplar a Cruz de Cristo e adorar Jesus que nos salvou por amor!

“Eis aqui uma prova brilhante de amor de Deus por nós: quando éramos ainda pecadores, Cristo morreu por nós.” (Romanos 5, 8)

verdadeiros-adoradores-joao4-23

 Mas vem a hora, e já chegou, em que os verdadeiros adoradores hão de adorar o Pai em espírito e verdade, e são esses adoradores que o Pai deseja.” – São João 4, 23

 

#151 Como está a sua vida?

20 Fev

Engraçado… Quando as dificuldades vem sobre nós, a nossa primeira reação é desanimar e parar de rezar. Eu sei disso! Eu faço isso toda vez, praticamente. Mas estou aqui para te dizer: NÃO DESANIME!

Sabe, Deus dá forças ao cansado. Ele mesmo diz:

“Vinde a mim, vós todos que estais aflitos sob o fardo, e eu vos aliviarei.”

(Mateus 11, 28)

Pra ajudar estou compartilhando um e-mail que recebi. Ele de um ‘UP’ na minha vida.

O que fazer quando temos aridez espiritual? A única saída é fechar os olhos e dar as mãos a Jesus para ser guiado por Ele

Muitas vezes, podemos passar por algum período de aridez espiritual, isto é, não temos vontade de rezar, torna-se difícil assistir a Santa Missa, a reza do Terço fica pesada, etc. Até mesmo a sagrada Comunhão se torna um sacrifício diante das dúvidas que podem atingir a nossa alma. Parece que o céu sumiu.

Como vencer esse estado de espírito no qual parece que Deus está longe e que nos falta a fé?

Primeiro é preciso verificar se esta situação não é tibieza, isto é, causada por nossa culpa em não perseverar no cuidado da vida espiritual, e, sobretudo, verificar se não há pecados graves em nossa alma, que possam estar afugentando dela a graça de Deus.

Se não houver pecados na alma, então, é preciso antes de tudo, calma, paciência e perseverança nos exercícios espirituais: oração, vida sacramental, caridade, penitência, etc. Mesmo sem vontade ou sem gosto, continuar, sem jamais parar, os exercícios espirituais.

Deus, às vezes, permite essas provações para que aprendamos a “buscar mais o Deus das consolações do que as consolações de Deus”, como disse um santo. São João da Cruz, místico que tanto experimentou o que chamou de “noite escura da fé”, afirmou que “o progresso da pessoa é maior quando ela caminha às escuras e sem saber.”

Muitas vezes, nos deleitamos nas orações gostosas, cheias de fervor sensível, como crianças quando comem doces. Mas quando vem a luta, deixamos a oração.

Vejamos o que diz o Apóstolo:

“Filho meu, não desprezes a correção do Senhor. Não desanimes, quando repreendido por ele; pois o Senhor corrige a quem ama e castiga todo aquele que reconhece por seu filho (Pr 3,11s). Estais sendo provados para a vossa correção: é Deus que vos trata como filhos. Ora, qual é o filho a quem seu pai não corrige?… Mas se permanecêsseis sem a correção que é comum a todos, seríeis bastardos e não filhos legítimos… Aliás, temos na terra nossos pais que nos corrigem e, no entanto, os olhamos com respeito. Com quanto mais razão nos havemos de submeter ao Pai de nossas almas, o qual nos dará a vida? Os primeiros nos educaram para pouco tempo, segundo a sua própria conveniência, ao passo que este o faz para nosso bem, para nos comunicar sua santidade” (Hb 12,5-10).

Deus nos quer santos, e é também algumas vezes pela provação e pela aridez espiritual que Ele arranca as ervas daninhas do jardim de nossas almas. Coragem, alma querida de Deus! Jesus disse que Ele é a videira verdadeira, e Seu Pai o bom agricultor, que podará todo ramo bom que der fruto, para que produza mais fruto (cf. Jo 15,1-2).

Não podemos querer apenas o açúcar do pão e renegar o pão do sacrifício. Às vezes a meditação é difícil, a oração é penosa, distraída, surgem as noites e as trevas… Nessas horas é preciso silêncio, abandono, paciência. O Esposo há de voltar logo… Em breve vai raiar a aurora e os fantasmas vão sumir.

Quanto mais a noite fica escura, mais perto nos aproximamos da aurora. Deus sabe o que estamos passando, louvado seja o Seu santo Nome! É hora de abandono em Suas mãos paternas.

Em meio às trevas alguns sentem o coração como se fosse de gelo, não sentem mais amor a Jesus, perdem a piedade, se sentem condenados. Que desoladora confusão espiritual!

Nestas horas a única saída é fechar os olhos e dar as mãos a Jesus para ser guiado por Ele na fé; confiança e abandono, irmão! Só o Senhor sabe o caminho para sairmos deste matagal fechado e escuro.

Deus nos prepara para a contemplação pelas provas passivas, ensinam os santos. Ele as produz e a alma apenas tem que aceitar. É o duro caminho dos que querem a perfeição. Ele está purificando a alma; o Cirurgião Celeste está nos operando a alma.

São João da Cruz fala da famosa “noite dos sentidos” cheia de aridez e de provação, um verdadeiro martírio para a alma. Segundo o santo doutor, é Jesus que chama a alma a caminhar com Ele no deserto, mesmo queimando os pés e sendo queimado pelo sol, para se santificar.

Calma, alma querida de Deus, Ele faz isso porque o ama muito! O fogo bom não é aquele “fogo de palha”, alto e bonito, mas rápido, que logo se apaga; mas é o fogo baixo que pega na lenha grossa e permanece por muito tempo. O fogo de palha é só para começar…

É isso que está acontecendo; não se assuste; não se preocupe porque o gosto de rezar sumiu e se tornou um agora um sacrifício penoso… Fé não é sentimento e muito menos sentimentalismo; fé é adesão, com a mente, a Deus, às Suas verdades e às Suas determinações. Não se preocupe de estar ou não “sentindo” fé ou devoção; apenas viva-a; vá à Missa, ao grupo de oração, ao Terço, com ou sem vontade, com ou sem gosto, com ou sem sentimento. Assim, temos mais méritos ainda diante de Deus.

Nesta situação talvez você precise de um diretor espiritual, especialmente na Confissão, para uma boa orientação.”

Felipe Aquino

#127 E se você estivesse lá?

29 Mar

A sexta-feira santa ( e também o sábado) é um dia de despojamento e silêncio. Hoje somos convidados a contemplar o mistério da Paixão do Senhor, a mergulhar de corpo e alma neste grande mistério de amor. 

Que tal refletirmos juntos? Eis aí o vídeo com uma música linda sobre a Paixão de Cristo:

“A verdade é que ele tomava sobre si nossas enfermidades e sofria, ele mesmo, nossas dores; e nós pensávamos fosse um chagado, golpeado por Deus e humilhado! Mas ele foi ferido por causa de nossos pecados, esmagado por causa de nossos crimes; a punição a ele imposta era o preço da nossa paz, e suas feridas, o preço da nossa cura. (…) ele, na verdade, resgatava o pecado de todos e intercedia em favor dos pecadores.”

(Isaías 52, 4-5; 53,12)

#96 Bem vindo, Setembro!

2 Set

Um mês muito especial se inicia: SETEMBRO, O MÊS DA BÍBLIA.

Neste mês a Igreja nos convida a dar mais atenção à Sagrada Escritura, a meditá-la com maior frequência, torná-la parte do nosso dia-a-dia e, assim, amá-la. Eis uma frase muito sábia do nosso atual Papa:

“O centro de uma vida feliz, de uma vida verdadeira, é a amizade com Jesus, o Senhor. E essa amizade aprende-se no amor pela Sagrada Escritura, no amor pela liturgia, na fé profunda, no amor por Maria, de modo a conhecer sempre mais realmente o próprio Deus e, assim, a verdadeira felicidade, a meta da nossa vida”.

(Papa Bento XVI)

Aproveitemos este mês para lermos e praticarmos com mais afinco a Palavra de Deus.

Que todos tenhamos um mês de Setembro abençoado!

Leia também: